MLS 2017 - Columbus Crew

HOME
AWAY
Feito por: Caio Morais
Patrocinador: Acura

Em 1994, era anunciado a franquia de Ohio para a disputa da MLS 1996, o Columbus Crew. Uma das únicas franquias a vencerem a MLS Cup e o Supporters' Shield no mesmo ano, e a primeira a jogar em um estádio propriamente feito para o futebol (nos EUA, normalmente os estádios são adaptados do Futebol Americano). Os primeiros donos do Columbus Crew foram o investidor Lamar Hunt (que leva seu nome na US Open Cup) e seu filho Clark, e nos primeiros anos de gestão, entre 1996 e 1998, o Crew teve péssimas campanhas na temporada regular. Com a construção do seu estádio em 1999, o Crew passou a jogar para menos pessoas - já que, em comparação ao Ohio Stadium, tem uma capacidade de 90 mil a menos -, mas em 2002, o clube conquistou seu primeiro a nível nacional, a US Open Cup, após bater NY/NJ Metro Stars (atual NY Red Bulls), Kansas City Wizards e o LA Galaxy na final. Na Liga dos Campeões da CONCACAF 2003 (vaga conquistada pelo título da US Open Cup), bateu o Árabe Unido (Panamá) na primeira fase, e foi eliminado pelo mexicano Monarcas Morelia. No ano seguinte, venceu o Supporters' Shield, com a pior campanha da história dos vencedores, tanto que teve mais empates que vitórias (13 a 12), e foi o primeiro clube a conquistar a melhor campanha na temporada regular e ser eliminado nas semifinais da Conferência (para o New England Revolution). Em 2007, para tentar enfrentar a contratação de David Beckham para o LA Galaxy, o Crew trouxe o argentino Guilhermo Barros Schelotto, vindo do Boca Juniors (e que é o atual treinador do mesmo). A contratação trouxe frutos, já que em 2008, o Crew venceu a primeira MLS Cup da sua história, junto da MLS Cup, tendo Schelotto como jogador mais valioso da temporada. No ano seguinte, venceu o Supporters' Shield novamente, repetindo o aproveitamento do título de 2004. Em 2017, o Crew fez uma pré-temporada em São Paulo, perdendo os 3 jogos: 0-7 x São Paulo, 0-3 x Grêmio Osasco e 1-2 x Ituano. Na temporada regular, faz uma má campanha na Conferência Leste, com 19 pontos em 12 partidas.

Curiosidade: o Crew e o Toronto FC mantém uma rivalidade que virou competição em 2008, com o nome de Trillium Cup (Trilium é uma flor comum em Toronto e Columbus). O Crew venceu as edições de 2008, 09, 10, 12, 13 e 15. O Toronto venceu em 2011, 14 e é o atual campeão (2016).
Trillium Cup logo.jpg


Comentários

Anterior Proxima Página inicial