MLS 2017 - New England Revolution

HOME
 AWAY
Feito por: Caio Morais
Patrocinador: United Health Care

Fundado em 1996, o New England Revolution é uma das equipes a disputarem todas as 22 edições da MLS, e curiosamente, nunca ter vencido nem a MLS Cup nem o Supporters' Shield. Leva o nome de Revolution pois, entre 1775-83, ocorreu a chamada Revolução Americana, principalmente no estado de New England. As 4 primeiras temporadas do NE Revolution foram o pior momento da equipe na sua história, com nenhuma classificação às semifinais de Conferência. No ano 2000, os Revs começaram uma série de boas temporadas, com o vice da Conferência Leste. Em 2001, perdeu a US Open Cup na final; em 2002, foi vice na MLS Cup. Entre 2002 e 2007, sob o comando do técnico escocês Steve Nicol, foram 6 finais de Conferência disputados, no melhor momento do NE Revolution na MLS. Entretanto, em 2003 e 2004, não chegou na final da MLS Cup, e nos três anos depois, de forma consecutiva, conquistou três vices da mesma competição. Ao menos em 2007 a equipe foi coroada com o primeiro título importante, a US Open Cup. Péssimas campanhas entre 2008 e 2011 levaram a demissão do 'azarado' treinador, e Jay Heaps assumiu. Terminou em 9º na Conferência Oeste na temporada de estreia, mas em 2014 conquistou o 5º vice da MLS Cup. Em 2015 e 2016, terminou a Conferência em 5º e 7º, respectivamente, não conquistando a vaga nas semis de Conferência. A atual temporada não apresenta expectativa de uma melhora na equipe.

Curiosidades: o dono da equipe, Robert Kraft, também é proprietário do New England Patriots, uma das franquias mais famosas do Futebol Americano.
Considerando as equipes que disputaram a primeira edição da MLS, o Revolution foi o único que não trocou seu escudo em nenhuma vez (e não trocou de nome, como caso de 5 times).



Comentários

Anterior Proxima Página inicial